Cabelo

Os cinco erros mais comuns na hora de usar a chapinha

Na hora de deixar os cabelos mais lisos, muita gente prefere usar a chapinha do que o secador. Tudo bem, você não é a única. Entretanto, é preciso ficar atenta a alguns erros comuns que quase todo mundo comete na hora de usar a prancha.

Um dos piores é não proteger os fios. É imprescindível envolver o cabelo com algum protetor térmico, isso vai evitar danos nos fios e garantir um cabelo com aparência saudável.

Outro perigo para o seu cabelo é usar a temperatura mais alta da sua chapinha. Não é porque ela vai até 300°C que você precisa colocar ela no máximo. Além de você correr o risco de se queimar, os fios podem sofrer danos irreversíveis por conta da alta temperatura. O ideal é não passar dos 220°C.

Está saindo vapor ou está ouvindo um chiado? Então pare imediatamente. Os cabelos devem estar completamente secos antes de você começar a passar a chapinha – mesmo se o fabricante indica que a chapinha pode ser usada com o cabelo molhado ou úmido. Além de não conseguir um liso bonito, os fios podem ficar muito danificados.

É preciso separar mechas – a paciência é a chave do sucesso para o liso perfeito com a chapinha. Quanto mais estreito for o seu aparelho, menores deverão ser as mechas.

Depois de alguns usos, a chapinha acumula resíduos de produtos, óleos e sujeiras. Limpe a sua chapinha regularmente. Faça isso com um pano úmido quando ela estiver completamente fria – vale usar cotonete para alcançar os cantinhos.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *